Modo Livre e Chama Acesa: Ivan Lins

Kuarup relança dois importantes álbuns de Ivan Lins dos anos 1970

Teca Lima 16/06/15 13:45 - Atualizado em 16/06/15 13:53

Detalhes das artes das capas dos álbuns Chama Acesa e Modo Livre, de Ivan Lins (Reprodução / Arte: Homero Esteves)

O músico, cantor e compositor Ivan Lins completa nesta terça-feira, 16 de junho, setenta anos de idade. O ano de 2015 marca ainda os 45 de uma sólida carreira, inclusive internacional. Além de vender muitos discos no exterior e ter vencido alguns prêmios Grammy, foi gravado por importantes nomes do jazz como Sarah Vaughan, Ella Fitzgerald e George Benson. Uma série de projetos marcam as comemorações, em especial um novo álbum, América Brasil, recém-lançado.

Dois dos seus discos dos anos 1970 estão sendo relançados pela Kuarup – gravadora que tem prestado o enorme serviço de trazer de volta obras em discos já fora de catálogo.

O primeiro, de 1974, é Modo Livre, que inaugura a parceria de Ivan com Vitor Martins, companheiro em tantos sucessos. Aqui Vitor assina “Abre Alas”, com letra que exaltava o início da abertura política. Outro grande parceiro de início de carreira, Ronaldo Monteiro, aparece em seis canções, entre elas “Deixa eu Dizer” (ouça no player abaixo), o desabafo que ganhou memorável leitura da cantora Claudia. Há ainda uma parceria com Paulo César Pinheiro, “Rei do carnaval”, e uma bela e esquecida gravação de Ivan para “Avarandado”, de Caetano Veloso. Os arranjos são do maestro Arthur Verocai e participa um time de grandes músicos como Wagner Tiso, Robertinho Silva, Márcio Montarroyos, só pra citar alguns.

Chama Acesa é de 1975 e, assim como Modo livre, fez parte do catálogo da RCA (hoje Sony Music). Arranjos do próprio Ivan e do grupo Modo livre, formado por Gilson Peranzetta (piano e órgão), João Cortez (bateria e percussão), Ricardo Ribeiro (sopros) e Fred Barbosa (baixo).

A faixa-título, de letra engajada, é parceria com Paulo César Pinheiro. O disco confirma a parceria com Vitor Martins, aqui em cinco temas, incluindo a bela “Joana dos Barcos” que está no novo trabalho do compositor e que fará parte das comemorações para os aniversários com um ballet  a ser apresentado em setembro pela Companhia de Ballet da Cidade de Niterói, no Teatro Municipal da cidade, e que ganhou o nome da canção.

Faixas:

Chama Acesa

01. Sorriso Da Mágoa (Ivan Lins)
02. Nesse Botequim (Ivan Lins)
03. Chama Acesa (Ivan Lins / Paulo César Pinheiro)
04. Lenda Do Carmo (Ivan Lins / Vitor Martins)
05. Joana Dos Barcos - Beira-Mar (Ivan Lins / Vitor Martins)
06. Ventos De Junho (Ivan Lins / Vitor Martins)
07. Não Há Porque (Ivan Lins / Ronaldo Monteiro de Souza)
08. Demônio De Guarda (Ivan Lins / Vitor Martins)
09. Poeira, Cinza e Fumaça (Ivan Lins / Paulo César Pinheiro)
10. Palhaços e Reis (Ivan Lins / Ronaldo Monteiro de Souza)
11. Corpos (Ivan Lins / Vitor Martins)

Modo Livre

01. Rei Do Carnaval (Ivan Lins / Paulo César Pinheiro)
02. Deixa Eu Dizer (Ivans Lins / Ronaldo Monteiro de Souza)
03. Avarandado (Caetano Veloso)
04. Tens - Calmaria (Ivan Lins / Ronaldo Monteiro de Souza)
05. Não Tem Perdão (Ivan Lins / Ronaldo Monteiro de Souza)
06. Abre Alas (Ivan Lins / Vitor Martins)
07. Chega (Ivan Lins)
08. Espero (Ivan Lins / Ronaldo Monteiro de Souza)
09. Essa Maré (Ivan Lins / Ronaldo Monteiro de Souza)
10. Desejo (Ivan Lins / Ronaldo Monteiro de Souza)
11. Pot-pourri: General Da Banda (Sátiro de Melo / Tancredo Silva / José Alcides) / A Fonte Secou (Monsueto / Tufic Lauar / Marcléo) / Recordar É Viver (Aldacir Louro / Aloísio Marins / Adolfo Macedo)

Relançamentos: Kuarup

O cmais+ é o portal de conteúdo da Cultura e reúne os canais TV Cultura, UnivespTV, MultiCultura, TV Rá-Tim-Bum! e as rádios Cultura Brasil e Cultura FM.

Visite o cmais+ e navegue por nossos conteúdos.