O circo

Canções que abordam o universo do circo e de seus artistas, como malabaristas, palhaços, acrobatas, monociclistas e contorcionistas.

ALCEU MAYNARD 29/12/10 10:40 - Atualizado em 29/12/10 10:40

À esquerda, equilibristas do Circo Garcia. À direita, foto de 1955 mostra três Picolinos, palhaço criado por Nerino Avanzi (ao centro), também fundador do Circo Nerino. (Reprodução)

“O circo é alegria de viver. O circo é alegria que você precisa conhecer”,  já dizia Jorge Ben em 1972.  Presente em nossas memórias afetivas, esta arte milenar continua nos comevendo, seja em seu picadeiro circular ou em multi-formatos como o Cirque du Soleil, considerado o maior circo do mundo.

Nesta seleção, algumas canções que abordam o universo do circo e de seus artistas, como malabaristas, palhaços, acrobatas, monociclistas, contorcionistas, equilibristas e ilusionistas.

Chico Burque canta “Piruetas” ao lado dos Trapalhões que ainda tinham em sua formação os saudosos Zacarias e Mussum, este que além de humorista foi sambista e músico fundador d'Os Sete Modernos, posteriormente chamado Os originais do samba.


Animado por interpretar um adestrador de focas, o pernambucano Alceu Valença solta a voz em “A foca”, apropriando-se da tradição popular poeticamente retratada por Vinicius de Moraes, autor do livro A arca de Noé. Posteriormente, o livro ganhou melodias de Toquinho e, além dois álbuns homônimos, virou um programa em horário nobre da TV Globo, o especial A arca de Noé, para o Dia das crianças, no ano de 1980.

E de Arcoverde, interior de Pernambuco, vem a bela história que Lirinha, da banda Cordel do Fogo Encantado, se inspirou em “O palhaço do circo sem futuro”: quando um filho, que sentia vergonha do pai palhaço, o reencontra em seu leito de morte.





Rita Lee canta as dores de um palhaço por um amor não correspondido de uma bailarina. Batatinha, Arnaldo Antunes, Adriana Calcanhotto, Bebel Gilberto e até mesmo artistas da nova geração, como Fábio Barros, prestam suas homenagens.

E, para encerrar, nada melhor do que alguém que nasceu literalmente em um picadeiro. Carequinha, um dos mais notórios palhaços brasileiros, interpreta o "Rock do ratinho".

“Calma, minha gente, que o leão é sem dente!”

 

O cmais+ é o portal de conteúdo da Cultura e reúne os canais TV Cultura, UnivespTV, MultiCultura, TV Rá-Tim-Bum! e as rádios Cultura Brasil e Cultura FM.

Visite o cmais+ e navegue por nossos conteúdos.