O som chique de "Canções" de Joel Timoner

Joel veio ao Bamba contar sobre sua trajetória e seus discos.

Leticia Ferreira 23/12/15 18:28 - Atualizado em 24/12/15 12:25

(Divulgação)

 

Joel Timoner, sujeito inteligente, com alma de artista, bem requintado, criativo e ousado. Em 1970, já debulhava seu bandolim liderando o grupo Xoro Roxo, que além de chorinhos investia em diferentes misturas.

Xoro Roxo, no final dos anos 70, viajou e se radicou durante anos em Paris tocando em festivais, em bares e na rua. Enquanto isso, por aqui, uma pequena legião de amigos e admiradores esperava a volta de Joel e seu Xoro, trazendo disco e grande sucesso. Joel ficou muito tempo por lá, sem mostrar o som de sua graça para os fãs que ficaram órfãos por anos sem saber o que ele fazia de sua arte.

Mas o que é bom tem lastro. E não é que depois de tanto tempo Joel voltou com novidades sonoras e um disco de canções surpreendente, que teve o auxílio luxuoso de grande parte daquela turma do Xoro, com muitos sotaques e até instrumento diferente.

Confira no Bamba Jam esta história e ótimos sons de "Canções" de Joel Timoner.

 

 

O cmais+ é o portal de conteúdo da Cultura e reúne os canais TV Cultura, UnivespTV, MultiCultura, TV Rá-Tim-Bum! e as rádios Cultura Brasil e Cultura FM.

Visite o cmais+ e navegue por nossos conteúdos.