Calendário

Mês após mês do calendário modernista de Tárik de Souza

Eduardo Weber 06/04/16 12:14 - Atualizado em 06/04/16 12:21

Reprodução

Uma viagem pelo calendário. “Janeiros”, nossa primeira parada, é composição do carioca Pedro Luís e a potiguar Roberta Sá, gravada por Pedro. A quase homônima “Janeiro”, também reúne outra parceria dos arredores da Lapa: João Callado, do grupo Semente, e Fernando Temporão, fundador do Sereno da Madrugada. Canta Temporão.
 

Bossamoderna registra o calendário da Bahia, onde “2 de fevereiro”, é dia de festa no mar. Obra de Dorival Caymmi, voz de Gal Costa. E irrompem as “Águas de março”, que o autor, Tom Jobim gravou com Elis Regina, em 1974.

 

“Qual de nós foi quem mentiu / ou será que era 1º. de abril”, questiona Marina Lima, em faixa de seu disco “Virgem”, de 1987. Toquinho e Vinicius de Moraes aquarelam “As cores de abril”, também de 1974. Caetano Veloso celebra o “13 de maio” em sua natal Santo Amaro da Purificação, no Recôncavo Baiano. “Junho” nasce de um poema de Geraldo Valença, musicado por seu sobrinho, o pernambucano de São Bento do Una, Alceu Valença. O mesmo Alceu engata “Júlia, Julho”, composição só dele, em faixa de seu disco “Ao vivo em todos os sentidos”, de 2003.
 

O cearense Fagner e o maranhense Zeca Baleiro assinam e cantam a “Balada de agosto”. Quando entrar setembro desponta o “Sol de primavera”, clássico do mineiro do Clube da Esquina, Beto Guedes. E o líder do mesmo Clube, Milton Nascimento, carioca, criado na mineira Três Pontas, desata seu “Outubro”, parceria com Fernando Brant.

 

Tárik de Souza também destaca “16 de novembro”, data do calendário sonoro de Ivan Lins, em parceria com Vitor Martins. O sanfoneiro sergipano Edivaldo Junior Alves de Oliveira, o Mestrinho, crava “13 de dezembro”, data do nascimento do patrono da música nordestina Luiz Gonzaga, que escreveu a composição com Zé Dantas, em 1953, letrada posteriormente, em louvação, por Gilberto Gil.

 

O Bossamoderna rebobina a viagem desde o princípio, no autoexplicativo “Calendário”, de autoria do cantor da composição Tarcio Cardo e seu pai, Tarci.

____________________

Bossamoderna
Calendário
Apresentado na RCB - Sábado, 26 de março de 2016, às 15 horas.
Programa de Tárik de Souza
Produção: Rádio MEC – Rio de Janeiro

 

 

O cmais+ é o portal de conteúdo da Cultura e reúne os canais TV Cultura, UnivespTV, MultiCultura, TV Rá-Tim-Bum! e as rádios Cultura Brasil e Cultura FM.

Visite o cmais+ e navegue por nossos conteúdos.