Baden Powell, autor e intérprete

Omar Jubran apresenta o primeiro de uma série de três programas dedicados ao violonista e compositor

20/03/15 15:52 - Atualizado em 28/10/19 12:48

Um violão na madrugada (Imagem: Reprodução)
Detalhe da capa do disco Um violão na madrugada, de 1961 (Imagem: Reprodução)

Filho do sapateiro e músico amador Lino de Aquino e de Dona Adelina, Baden Powell de Aquino recebeu esse nome em homenagem ao britânico fundador do escotismo. Nascido no dia 06 de agosto de 1937, em uma cidadezinha do norte do estado do Rio de Janeiro chamada Varre-Sai, começou sua vida musical brincando com o violino do pai, sendo mais tarde presenteado com um violão. Apesar de canhoto, Baden tocava o instrumento como destro.

Em 1959, Baden Powell gravou seu primeiro álbum. Um LP de título Apresentando Baden Powell e seu violão, com ele ao instrumento, acompanhado pela orquestra do maestro Carlos Monteiro de Souza. Neste álbum, Baden interpretou composições nacionais e internacionais, da autoria de outros compositores.

Dois anos mais tarde, em 1961, Baden Powell gravaria seu segundo álbum: Um violão na madrugada, que, das 12 faixas, apresentava seis de sua autoria.

O cmais+ é e reúne os canais TV Cultura, UnivespTV, MultiCultura, TV Rá-Tim-Bum! e as rádios Cultura Brasil e Cultura FM.

Visite o cmais+ e navegue por nossos conteúdos.