Desde que o samba é Samba - 3

No terceiro programa da série, composições dos anos 1940 a 1945

19/05/17 15:12 - Atualizado em 19/05/17 15:46

No terceiro programa da série, composições dos anos 1940 a 1945. Em destaque, o samba exaltação, forma inaugurada por Ary Barroso em Aquarela do Brasil. Também estão no programa composições de Ataulfo Alves, Wilson Batista, Herivelto Martins, Geraldo Pereira, Assis Valente e Dorival Caymmi.

 

Repertório:

 

João de Barro, Alberto Ribeiro e Alcyr Pires Vermelho – Onde o céu azul é mais azul, com Francisco Alves

Alcir Pires Vermelho e Dadid Nasser – Canta Brasil, com Gal Costa

Assis Valente – Brasil Pandeiro, com os Novos Baianos

Wilson Batista e Ataulfo Alves – O Bonde de São Januário, com Cyro Monteiro

Dorival Caymmi – Requebre que eu dou um doce, com Dorival Caymmi

Dorival Caymmi – Você já foi à Bahia?, com Nana, Dori e Danilo Caymmi

Ataulfo Alves e Mario Lago – Ai, que saudade da Amélia, com Ataulfo Alves

Wilson Batista e Haroldo Lobo – Emília, com Vassourinha e Regional de Benedito Lacerda

Geraldo Pereira e Arnô Provenzano – Resignação, com Nara Leão e Roberto Menescal, ao violão

Assis Valente – Fez Bobagem, com Aracy de Almeida e Luiz Americano e seu Regional

Zé da Zilda e Marino Pinto – Aos pés da Cruz, com Orlando Silva

Roberto Martins e Mário Rossi – Beija-me, com Zeca Pagodinho

Wilson Batista e Ataulfo Alves – Ó seu Oscar, com Cyro Monteiro

Ary Barroso – Aquarela do Brasil, com João Gilberto, Caetano Veloso e Gilberto Gil

O cmais+ é o portal de conteúdo da Cultura e reúne os canais TV Cultura, UnivespTV, MultiCultura, TV Rá-Tim-Bum! e as rádios Cultura Brasil e Cultura FM.

Visite o cmais+ e navegue por nossos conteúdos.