Tudo que move é sagrado – Samuca e a Selva

Nesta edição, o segundo CD da banda de São Paulo com um repertório dedicado à obra do letrista Ronaldo Bastos

Teca Lima 24/05/19 08:53 - Atualizado em 24/05/19 08:56

Capa do disco: "Tudo que move é sagrado" / Banda Samuca e a Selva (Reprodução da Internet)

Com a participação de nomes como Criolo, Luedji Luna, Liniker, Felipe Catto, Siba, Lenna Bahule, entre outros artistas, o disco-tributo ao compositor Ronaldo Bastos é uma parceria YB e Dubas Música e é lançado no ano que o carioca completou 70 anos de idade. Marcado pela ousadia e originalidade traz releituras de doze canções que levam a assinatura de Ronaldo nas letras. Sucessos como Chuva de Prata, Fé Cega, Faca Amolada, Lumiar e O trem azul aparecem totalmente repaginadas e alinhadas com o som vibrante e potente de Samuca e a Selva.

Teca Lima conversou com Samuel Samuca e Allan Spirandelli sobre o trabalho.

Clique e ouça o programa completo!

O cmais+ é o portal de conteúdo da Cultura e reúne os canais TV Cultura, UnivespTV, MultiCultura, TV Rá-Tim-Bum! e as rádios Cultura Brasil e Cultura FM.

Visite o cmais+ e navegue por nossos conteúdos.