Chamamé, toada e sucessos da música brasileira.

As tradições gaúchas e clássicos da música brasileira estão presentes no Estação Regional

Eduardo Weber 21/10/15 12:29 - Atualizado em 21/10/15 12:38

Reprodução

Ritmos e gêneros tipicamente argentinos e gaúchos estão presentes nesta edição da Estação Regional. É o caso do chamamé, estilo musical tradicional da província de Corrientes, Argentina, e muito apreciado no Paraguai, Mato Grosso do Sul e Rio Grande do Sul. Em sua origem se integram raízes culturais dos povos indígenas guaranis, dos criollos argentinos e de imigrantes europeus. Geralmente, os conjuntos de chamamé se apresentam com dois violões e um bandoneon, que pode ser substituído por acordeom ou gaita ponto.

 

Um representante do chamamé argentino é o músico Mario Boffil, que comparece em “Bar y vista”. Elton Saldanha presta homenagem a Victor Jarra, músico e ativista chileno morto em 1973, com uma gravação do artista: “Recuerdo Amanda”. Outro nome internacional é o franco-espanhol Manu Chao, em faixa título do CD “Clandestino”.

 

A música tradicional gaúcha é marcada por gravações de Gujo Teixeira, Pedro Ortaça, Elton Saldanha e Paulinho Fagundes, que em 2010 recebeu três prêmios Açorianos, o mais importante da música gaúcha, pelo disco “Pedra Moura”.

 

O repertório do Estação Regional é completado por Zeca Baleiro em “Avohai”, Déa Trancoso em “Tupinambá”, Andréa dos Guimarães que canta Ataulfo Alves (“Meus tempos de criança”) e pela parceira entre o gaúcho Vitor Ramil e o mineiro Chico Lobo em “Cantoria”, do CD “Caipira do mundo”.
 

 

_______________

Estação regional
Elton Saldanha comanda o programa
Na RCB em 27 de setembro de 2015
Apresentação: Elton Saldanha
Produção: FM Cultura de Porto Alegre

O cmais+ é o portal de conteúdo da Cultura e reúne os canais TV Cultura, UnivespTV, MultiCultura, TV Rá-Tim-Bum! e as rádios Cultura Brasil e Cultura FM.

Visite o cmais+ e navegue por nossos conteúdos.