João Nogueira, 70 anos

Eduardo Weber 09/11/11 20:00 - Atualizado em 09/11/11 20:00

O cantor e compositor carioca (1941-2000) na capa do LP \"Boca do povo\" (1980), que apresentou o samba \"Poder da criação\", parceria com Paulo César Pinheiro. (Reprodução)

João Batista Nogueira Júnior nasceu no Rio de Janeiro em 12 de novembro de 1941. Quando criança, após ser colocado na cama para dormir, ficava ligado no que acontecia na sala de sua casa. Motivo: ouvir o encontro musical que seu pai, João Batista Nogueira, advogado e músico amador, promovia costumeiramente aos domingos com convidados ilustres, entre eles Pixinguinha. Não foi difícil João Nogueira escolher, aos 10 anos de idade, o que queria ser quando crescesse.
 
“Invadir os bares e restaurantes é uma maneira de você mostrar a verdadeira música carioca. Se você não tiver espaço para mostrar o samba, ele pode ser lindo, maravilhoso, que não acontece nada.” 
 
Essas são palavras que sintetizam a filosofia que norteou sua carreira: a de um guerrilheiro do samba. João Nogueira foi defensor ferrenho do tipo de música que provoca o bamboleio do corpo e sacode o cérebro com versos satíricos, honestos, críticos e reveladores. Da música que o define como sambista genuíno de alma carioca.
 
O Estúdio F apresenta o perfil do artista que fundou o Clube do Samba, integrou a ala de compositores da Portela e foi admirador inconteste de Nelson Cavaquinho e dos grandes nomes do samba do Rio de Janeiro. A arte de um cantor e compositor que tinha uma divisão única e com um balanço personalíssimo, deixando uma obra importante ao falecer aos 58 anos, em 5 de junho de 2000.
 
Esta edição conta com depoimentos de João Nogueira sobre a Portela e um repertório de músicas autobiográficas, como “Espelho”, feita em homenagem a seu pai, e “Mulher valente é minha mãe”; registros que reverenciam sambistas, “Wilson, Geraldo, Noel” e “O homem de um braço só” (para Natal da Portela); e muitos sucessos, como “Batendo à porta”, “Mineira”, “Das 200 pra lá” e “Poder da criação”.
 
 
_______________

Estúdio F
João Nogueira, 70 anos

Apresentado na RCB em 8 de novembro de 2011
Reapresentação: sábado, 12 de novembro, às 7h
Apresentação: Paulo César Soares
Roteiro: Cláudio Felício
Produção: Rádio Nacional/RJ

O cmais+ é o portal de conteúdo da Cultura e reúne os canais TV Cultura, UnivespTV, MultiCultura, TV Rá-Tim-Bum! e as rádios Cultura Brasil e Cultura FM.

Visite o cmais+ e navegue por nossos conteúdos.