O rei da voz

Paulo César Soares destaca a vida e a obra de Francisco Alves, um dos grandes cantores da época de ouro do rádio brasileiro.

Eduardo Weber 12/08/13 17:26 - Atualizado em 16/08/13 20:35

O rei da voz, Francisco Alves. (Reprodução)

Numa época em que gravar um disco era uma tremenda dificuldade, ele foi considerado o Rei da Voz. Talvez o mais profissional de todos os cantores da época de ouro do rádio brasileiro. Falamos de Francisco Alves, que nasceu no Rio de Janeiro no dia 19 de agosto de 1898.

Francisco Alves foi o artista que mais gravou em seu tempo, perto de mil músicas, lançadas em 520 discos de 78 rpm. Sua carreira parou tragicamente, após acidente de automóvel na via Dutra em 27 de setembro de 1952, quando regressava ao Rio de Janeiro depois de se apresentar em São Paulo.

O Estúdio F focaliza sua vida e obra, trazendo uma seleção especial só com gravações do cantor, que emprestou sua voz para sambas, valsas, marchinhas, serestas e choros.

No repertório do programa, sucessos, como “Lua nova”, “Malandrinha”, “Fita Amarela (com Mário Reis)”, “Caminhemos”, “Confete”, “Perfídia”, “Quem há de dizer” e “Aquarela do Brasil”.

_________________
Estúdio F – Momentos Musicais da Funarte
O rei da voz

Apresentado na RCB em 10 de agosto de 2013
Apresentação: Paulo César Soares
Produção: Rádio Nacional - Rio de Janeiro
 

O cmais+ é o portal de conteúdo da Cultura e reúne os canais TV Cultura, UnivespTV, MultiCultura, TV Rá-Tim-Bum! e as rádios Cultura Brasil e Cultura FM.

Visite o cmais+ e navegue por nossos conteúdos.