Piano Maior

Domingos, às 18h

 
 Toninho Ferragutti

Toninho Ferragutti

“A sanfona e o piano me possibilitam tocar com várias pessoas e também tocar vários gêneros musicais.”

 
 Rudi Germano

Rudi Germano

“Ao sair do Rio Grande do Sul eu procurei ampliar meu horizonte. Mas não perdi minhas raízes não. Eu ainda continuo bastante gaúcho”.

 
 Daniel Szafran

Daniel Szafran

“O meu interesse pelo piano começou quando ele chegou em casa. Era do meu tio. Eu tinha oito anos e me deparei com aquele monstro, muito maior do que eu era. E foi assim. Bati numa tecla, depois em duas...”

 
 Osmar Barutti

Osmar Barutti

“O primeiro disco que ganhei aos 12 anos foi do David Brubeck. Por meses foi o único que tive. Quer dizer, eu furei o disco. Decorei nota por nota”

 
 Angela Volcov e Lidia Bazarian

Angela Volcov e Lidia Bazarian

“Tocar piano a quatro mãos exige um entrosamento muito grande. Sentir o tempo da outra. O tempo todo a gente tem que estar ligada no que a outra está fazendo”.

 
 José Rodrigues

José Rodrigues

“O repertório do músico da noite tem que estar sempre atualizado. Quando não se tem a edição da música, tem que ouvi-la e transcrevê-la pra partitura”

 
 Nelson Panicali

Nelson Panicali

“Quando cheguei a São Paulo eu era metade violonista, metade pianista. O mercado me levou definitivamente para o piano”.

 
 Paulo Mattar

Paulo Mattar

“Ninguém vai telefonar para dizer que você toca mal. Você deve descobrir isso sozinho, de um jeito ou de outro, e o mais rápido possível.”

 
 Mário Albanese

Mário Albanese

Música eu cultivo por um amor muito grande, é uma coisa espontânea. Por isso não faço concessão. Toco aquilo que eu gosto