Geraldo Bispo

“A música só pode ajudar, porque ela é tranquilizante, ela é revigorante. A música deve ser algo a mais que, às vezes, falta na vida de cada um.”

23/11/17 14:58 - Atualizado em 23/11/17 15:01

Geraldo Bispo é paulistano com formação erudita, tendo estudado durante nove anos em conservatório. Mas sempre esteve muito interessado em música popular, jazz e gospel. Tem um disco lançado, “Hatikva”. Atualmente se dedica à produção musical e com a perícia criminal em áudio, que o deixa fascinado, pois, segundo o pianista, “a técnica auditiva necessária para esse trabalho deve ser esmerada e repleta de conhecimento em várias áreas do saber humano”.

 

No Piano Maior gravado em agosto de 1992 no Auditório Cultura (Teatro Franco Zampari), Geraldo Bispo apresentou um repertório com muitos temas de Tom Jobim, músico que ele ouviu em todos os lugares que frequentava. No programa tem “Wave”, “Ligia”, “Samba de uma nota só” (com Newton Mendonça) e “Eu sei que vou te amar” e “Garota de Ipanema” (ambas com Vinicius de Moraes).

 

Geraldo Bispo também dá a sua versão para sucessos de Djavan (“Cerrado”), Guilherme Arantes (“Brincar de viver”), Luiz Vieira (“Paz de meu amor”), Ivan Lins e Ronaldo Monteiro de Souza (“Madalena”), Renato Teixeira (“Romaria”) e um tema de sua autoria, “Encontro dos acasos”. 

O cmais+ é o portal de conteúdo da Cultura e reúne os canais TV Cultura, UnivespTV, MultiCultura, TV Rá-Tim-Bum! e as rádios Cultura Brasil e Cultura FM.

Visite o cmais+ e navegue por nossos conteúdos.