Gustavo Galo, Barbara Rodrix e LG Lopes

Solano Ribeiro apresenta trabalhos solo de gente nova que participa de grupos.

Eduardo Weber 20/12/16 11:28 - Atualizado em 20/12/16 11:32

Gustavo Galo, Barbara Rodrix e LG Lopes

O início da poesia de Vladimir Maiakovski, “O eterno verão da dasha” serve de inspiração e dá título ao segundo disco de Gustavo Galo, “Sol”. Compositor da Trupe Chá de Boldo, cantor e violonista, Gustavo apresenta no disco as músicas “Um Sol” e “Que mal tem” (ambas de sua autoria), “Para pegar” (Luís Capucho) e “Pra te tocar” (composta em parceria com Marcelo Segreto).

Filha de Zé Rodrix, Barbara Rodrix lança seu segundo disco, “Eu mesmo”. O título é inspirado em faixa homônima de Paulo Novaes que Barbara considera “ser a síntese de sua busca por identidade própria após a morte de Zé Rodrix em 2009”.  Solano Ribeiro destaca também “Tanto faz” (Barbara Rodrix / Paulo Novaes / Bruna Caran) e “Olhos abertos” (Guarabyra / Zé Rodrix).

Luiz Gabriel Lopes, LG Lopes já passou por aqui nos grupos mineiros Tião Duá e Graveola. Comparece agora de maneira solo, com o CD “O fazedor de rios”. Um trabalho que tem coisas do campo, numa linguagem de matuto, de observador atento também da cidade. “Fazedor de rios”, “Maio de Isabel”, todas de sua autoria, estão no programa.

E a partir desta edição, Solano Ribeiro relembra os vencedores do Troféu Cata-Vento de 2016, focalizando inicialmente Glau Piva, Profissão Urubu, Priscila Amorim e Trigonotron.
__________

Solano Ribeiro e a nova música do Brasil.
Domingo, 18 de dezembro de 2016, 14h00min.
Segunda-feira, 19 de dezembro de 2016, às 9 e às 21 horas.
Na Cultura FM – Domingo, 18 de dezembro, às 23 horas.
Apresentação: Solano Ribeiro
Direção: Eduardo Weber
 

O cmais+ é o portal de conteúdo da Cultura e reúne os canais TV Cultura, UnivespTV, MultiCultura, TV Rá-Tim-Bum! e as rádios Cultura Brasil e Cultura FM.

Visite o cmais+ e navegue por nossos conteúdos.