Rodrigo Bragança, Benjamim Taubkin, O Grilo, Marcelo Vig, Ná Ozzetti e Wisnik

Uma edição com ideias musicais muito diferentes

Eduardo Weber 18/02/21 13:01 - Atualizado em 19/02/21 11:16

Rodrigo Bragança, Benjamim Taubkin, O Grilo, Marcelo Vig, Ná Ozzetti e Wisnik (Capa dos álbuns “Sobrevoo”, "Heróis do Futuro", “Om’dub” e “NáZé")

O duo Rodrigo Bragança (guitarra) e Benjamim Taubkin (piano) passeia pela música brasileira trazendo forte influência do jazz, um pouco do oriente e MPB. O disco “Sobrevoo” reúne oito composições, quatro de cada um. Nesta edição tem “De frente pro Sol” e “Canção antiga”.

O quinteto paulista O Grilo é formado por Lucas Teixeira (bateria), Pedro Martins (vocal), André Maia (baixo), Felipe Martins e Gabriel Cavallari (guitarras). O grupo já participou do festival Lollapalooza e tem um EP, “Heróis do Futuro”. Solano selecionou para esta edição três músicas: a faixa título, “Sofia” e “Serenata existencialista”.

Ele é carioca, mas se define como londrino por afinidade. Morou por 10 anos na capital da Ilha, onde organizava festas de música brasileira com o nome de Caipirinha Appreciation Society. Tem mais de 20 anos de estrada. Trabalhou com Avril Lavigne, Eminem, Will Smith e Patrick Wolf. Do produtor, baterista, compositor e DJ Marcelo Vig selecionamos faixas do CD “Om’dub”, trabalho que apresenta um mix de música brasileira com eletrônica. No repertório, “Carimbstep” (Marcelo Vig / Pedro Luís / Marco André), “Dança crioula” (Marcelo Vig / Jam da Silva) e “Sambava demais” (Marcelo Vig / Gabriel Musak / Fabrício Belo).

A primeira vez que Ná Ozzetti cantou música de Zé Miguel Wisnik foi há mais de 30 anos, no casamento do compositor. Os dois já se conheciam desde os tempos em que ela iniciava carreira no grupo Rumo. A voz da cantora e o piano do compositor refletem a longa amizade e parcerias musicais, o que resultou no CD “NáZé”, que traz composições que vão de 1978 a 2014. Para esta edição, temos três obras de Zé Miguel Wisnik, “Som e fúria” (com Paulo Neves), “Gardênias e hortênsias” (sobre poema de Paulo Leminski) e “Louvar” (letra de Cacaso).

_________________________________________________________________________

Solano Ribeiro e a nova música do Brasil.

Domingo, 21 de fevereiro de 2021, às 18 horas.

Reapresentação: segunda-feira, 22 de fevereiro de 2021, às 17 horas.

Cultura FM – Domingo, 21 de fevereiro de 2021, às 23 horas.

Apresentação: Solano Ribeiro

Direção: Eduardo Weber

Estágio em produção: Júlia Abe

O cmais+ é e reúne os canais TV Cultura, UnivespTV, MultiCultura, TV Rá-Tim-Bum! e as rádios Cultura Brasil e Cultura FM.

Visite o cmais+ e navegue por nossos conteúdos.