Gil Gomes In Memorian

Histórias do ícone do rádio, em entrevista de 2005

24/10/18 15:58 - Atualizado em 24/10/18 15:59

Crédito da foto: Gil Gomes em foto do Arquivo/Estadão

 

“Gil Gomes não é um número. Eu conto a vida do meu personagem, que tem família, tem sonhos, tem uma história”, conta em terceira pessoa.

 

Ele foi um dos ícones do rádio e do jornalismo policial. Cândido Gil Gomes Jr. nasceu na Mooca, São Paulo, em 1940. Começou como locutor esportivo ainda criança (e gago), “transmitindo” jogos desde uma caixa de papelão com uma antena de arame: “Era um sonho”. Sua prosódia singular marcou o universo radiofônico dos anos 1970 e 80. Mais tarde, tornou-se popular em todo o país, após sua passagem pela televisão. Gil Gomes morreu no último dia 16 de outubro de 2018.

 

Nesta edição gravada em 2005, Gil Gomes, personagem de si mesmo, além de seu trabalho no rádio, fala de cultura, música clássica e Dostoiévski.

O cmais+ é o portal de conteúdo da Cultura e reúne os canais TV Cultura, UnivespTV, MultiCultura, TV Rá-Tim-Bum! e as rádios Cultura Brasil e Cultura FM.

Visite o cmais+ e navegue por nossos conteúdos.