Brasil o tempo todo

30/07/13 18:19 - Atualizado em 30/07/13 18:27

A Rádio Cultura AM iniciou suas transmissões em 1936, como propriedade da família Fontoura, com o objetivo de divulgar as atividades artístico-culturais de São Paulo. Em 1959, foi adquirida pelo Grupo Diários Associados, que a transferiu, no final dos anos 1960, juntamente com a TV Cultura, para o controle da Fundação Padre Anchieta.

Em 1970, desenvolveu seu primeiro projeto educacional, o pioneiro Curso Supletivo de Primeiro Grau, que integrava as emissões do Projeto Minerva para todo o país. Durante mais de uma década foram criados e veiculados diversos programas voltados ao ensino básico: aulas de línguas estrangeiras, história, matemática, português e ginástica.

Nos anos 1980, a Rádio Cultura AM iniciou a produção de programas educativos com formatos de entretenimento e bem mais ágeis. Nesse contexto, surgiu o Matéria Prima, primeiro programa de rádio voltado para o público adolescente e jovem. Anos depois, foi reestruturado e adaptado para televisão, obtendo enorme sucesso na TV Cultura.

A música brasileira

Como emissora pública preocupada com as novas tendências do rádio, a partir de 1989, a Cultura AM introduziu mudanças conceituais em sua programação. Numa época em que as emissoras de rádio, tanto AM quanto FM, praticamente se recusavam a ceder espaço para a música brasileira, a Cultura AM inovou na área musical, dedicando sua programação ao melhor da MPB (canções e música instrumental). Buscando uma nova identidade, procurou oferecer uma alternativa mais musical e cultural, diferente das emissoras comerciais.

Sem abandonar sua vocação educativa, criou também novos programas como Nossa Língua Portuguesa, que estreou em 1992 e que, mesmo depois de ter sido adaptado para a TV, continua com boa aceitação junto ao público.

Em 2008 a Cultura AM passou a se chamar Rádio Cultura Brasil, o que facilita a criação de associações com outras emissoras públicas. Desde então, a emissora apresenta importantes programas culturais conduzidos por nomes respeitados pela crítica e pelo público, como Arrigo Barnabé, Vilmar Bittencourt e Solano Ribeiro.

Em 2008, apresentou um programa participativo, o RadarCultura, uma referência em termos de interatividade virtual e participação colaborativa do público, que define a programação musical, playlists e participa ao vivo de entrevistas no site homônimo. Este programa inovador é objeto de matérias na rádio BBC e no site de notícias da CNN, e agraciado em 2009 com o PRÊMIO ESPECIAL DO JURI DA APCA (Associação Paulista de Críticos de Artes).

Em abril de 2010, a Rádio Cultura Brasil inaugurou seu novo portal, que valoriza a música brasileira, com projetos exclusivos para a web, como recuperação de séries, colunas, playlists comentadas e um conjunto de especiais.

Portal

O portal Cultura Brasil exibe os conteúdos de música brasileira produzidos e veiculados pela Rádio Cultura Brasil (emissora da Fundação Padre Anchieta), como também aqueles desenvolvidos exclusivamente para a internet.


Para que o internauta tenha diversas possibilidades de navegação, o conteúdo do Cultura Brasil está organizado em Programas, Playlists, Especiais e Entrevistas.

Programas

Atualmente, a Rádio Cultura Brasil apresenta os seguintes programas, também transportados para a internet por meio do portal Cultura Brasil.

Bamba Jam - A música suingada segundo Jai Mahal
Bossamoderna - A música brasileira a partir da experiência moderna da bossa nova. Apresentação: Tárik de Souza 
Cultura Livre - A música brasileira de hoje. Apresentação: Roberta Martinelli
Discoteca - Uma seleção ao sabor do momento para seu fim de tarde. Apresentação: Teca Lima
Galeria – Uma revista eletrônica de arte. Apresentação: Alexandre Ingrevallo
Música Regional Brasileira - A música caipira e regional
RadarCultura - Programa interativo em que o internauta define a programação musical e participa das entrevistas. Apresentação: Teca Lima
Reggae de Bamba - O gênero jamaicano e suas vertentes na música brasileira. Apresentação:Jai Mahal
Seleção do Ouvinte - O ouvinte da Rádio lista 20 músicas e define a programação musical da emissora
Solano Ribeiro e a Nova Música do Brasil - A produção independente brasileira segundo o criador dos históricos festivais dos anos 1960 e 1970
Supertônica - Idealizado e apresentado por Arrigo Barnabé, este programa premiado pela APCA reúne entrevistas e um quadro de investigação sobre o gosto musical

O cmais+ é o portal de conteúdo da Cultura e reúne os canais TV Cultura, UnivespTV, MultiCultura, TV Rá-Tim-Bum! e as rádios Cultura Brasil e Cultura FM.

Visite o cmais+ e navegue por nossos conteúdos.